segunda-feira, 7 de junho de 2010

"You wear those shoes and I will wear that dress."

by `ArhcamtIlnaad



E quem disse que gostar de alguém não pode ser engraçado? Só dá pra saber quando você se permite. [Primeiro passo]. Pra quê fazer da nossa existência um sacrifício cronometrado se no dia que tiver o apito final nem adianta pedir acréscimo? Gostoso, independente do tempo que já viveu, é divertir-se, é fazer guerra de travesseiro, é dormir de madrugada de tanta conversa, é acordar disposta só pra poder vê-lo dormir, é jogar bola na areia, é brincar de ciúmes, é dançar, é ouvir uma música no violão, é ouvir a voz dele, e achar aquela marquinha na bochecha uma das melhores coisas,detestar João Pessoa, é falar sobre a vida, é torcer pro mesmo time, é saber dar espaço, mas nem tanto[rs], é brincar de novela, é imitar voz de famosos, é discutir e ligar 2 minutos depois. É desenhar um coração torto, é sorrir, dar beijo, fazer charme, dar cotovelada sem querer, é tomar 51 com coca-cola, é convidar os amigos, é achar que o mundo é perfeito só porque ele está por perto. É versejar. E achar graça de gostar. E sorrir novamente. Tem que saber viver. Deixar de lado a soberba, a idade, um ponta pé na futilidade e ceder a noite dele com os amigos. É brincar de gostar com ar de gente adulta. É esperar. E crescer. Dia após dia. É deixar o coração tomar conta. E aquele abraço: Ah! O dele.


2 comentários:

Juliano Detoni disse...

não preciso dizer o quanto gostei do seu comentário na mera distração...

gostei do que lí aqui, muito

Joe disse...

Não me atrevo a te dizer do que é feito o samba.