quinta-feira, 8 de julho de 2010

Suerte

Já não tinha mais o pé de coelho,

O travesseiro,
E a cabeça no lugar;
Já não tinha o príncipe encantado,
O plantão dobrado;
E fecho-ecler daquela calça predileta                                                                                     
Em contra partida recebeu um novo amor
Literalmente,
Para declarar justa;
A graça
E os seus dias.




Imagem :by ~naddie-catastrophe

6 comentários:

Tiago Macieira disse...

É justamente quando tudo parece perdido e for a do lugar que conquistamos as melhroes coisas, e o amor tem o poder de chegar meio que avassalador meio sem avisare percebemos que mesmo perdendo muitas coisas ganharemos algo grandioso que é o amor...!!!

Tiago Macieira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

*Inspirador*

bliss disse...

Bem expressivo

Kalie Cullen disse...

viva as folhinhas verdes!!! opa!!!!
kkkkkkk

don't get me wrong...

smacks

Anônimo disse...

Melosoo, mas fazer o que?
ELA ESTÁ APAIXONADAAA