quarta-feira, 27 de maio de 2009

Harbeas Corpus

"...Em algum ponto do tempo, eu me erguerei sobre você, com toda a cordialidade possível. Sua alma estará em meus braços. Haverá uma cor pousada em meu ombro. E levarei você embora gentilmente. (...)A pergunta é: qual será a cor de tudo nesse momento em que eu chegar para buscar você? Que dirá o céu?Pessoalmente, gosto do céu cor de chocolate. Chocolate escuro, bem escuro..."




Do livro: A menina que roubava livros.


Imagem:SwellShade
Alguns dias têm a cor da morte.

Não os meus.

Eles são sempre azuis.

Até quando estou blue.

Enfim: Livre.

DEO GRATIA

2 comentários:

Jéssica V. Amâncio disse...

Adorei,
acho que os meus devem ser roxinhos, como nos dias em que vai escurecendo, e a mistura de cores tende mais pro roxo :)
E quanto ao livro, já li.. também adorei, sou cheia de copiar as partes que gosto, e essa eu também havia copiado=)
Vou te add nos meus favoritos, pode?
Beijos;*

Kalye Duranki disse...

uhuuuuuuuu

se jogaaaaaaaa

\o/

:****