terça-feira, 22 de setembro de 2009

Para nascer o sol.

b y: Vampire_zombie

-Quanto tempo ainda temos?
- Mais umas 2 horas e meia.
[ Ela chora copiosamente...]
- Desculpa, amor, mas é meu dever. Deita aqui no meu colo? -Ele insiste-

- Vou orar por ti. - Ela suaviza -
[ Alguns minutos restantes...]
- Quando sentir saudade de nós dois. Feche os olhos. E desenharei um sol para ti.

[...]
Seguiu a tropa, pegou um avião e pousou na Palestina.
Alguns dias depois foi encontrado no meio das ruínas.
Por um helicóptero.
E chovia.
Ela recebeu um telefonema com a notícia.
Mas seguiu o conselho dele.
E ele era lindo, grande, bem redondo e amarelo.

7 comentários:

Lua disse...

Quel indo isso e triste tbm, mas adorei!

Boa quarta-feira, beijos.

! Marcelo Cândido ! disse...

interessante
! ! !

Ivii disse...

love your blog. so beautiful. i don't understand portuguese very well, but i like it ;)

radik disse...

Este é, em particular, de uma imprescindível beleza.
Obra rara, se não fosse sua belas palavras de todas as vezes!


Um beijo!

Anônimo disse...

E depois ela deu uma topada!!

joe

Keoma Roberta disse...

Muito lindo, que belo texto!

* Santiago * disse...

Ju, pára de matar todo mundo! Vá se tratar, pow.