quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Até que a vida os separe.


©2008-2009 ~
Slagophoto

Mais um requintado fim
Dessa patologia de devaneios.
Leva a crer que Maria veste a cinta liga
Leva a crer que Lucas tira o paletó.
Todos os dias, os dois disfarçam.
Contraditória constância.
No quarto, pouca gente chorou.
Os poucos, pouco a pouco,
Também tiravam suas vestes.
Suas sobras, a censura e o pesar.
Na rua, outros prostrados.
Sepultados nas avenidas largas,
Enterrados em jogos de azar,
Casal sobre casal,
Revoltados por causa da infelicidade.
Revoltados pela luta diária.
O entendimento está morto.
Cada multidão, um funeral.
Cada cérebro, um campo-santo.
Ficaram mudos, todos os dois, os opostos.
Maria e Lucas estão purificados.
Dois em um único corpo.
Sequer têm noção do que o acaso
Foi capaz de lhes reservar...
Mas isso já é uma outra estória.

4 comentários:

Tatiane Trajano disse...

Nem Maria, nem Lucas sabia o que o destino estava a lhes reservar.


*continua...rs

=D

Beijo-beijo

apenas sinto... disse...

Revoltados pela luta diária.
O entendimento está morto. ~> FATO.

Pois bem.. que seja rotulado... enfim... já se tornou quase indolor.

beeeijo!

Cristal disse...

Ju,
Depois de um relacionamento longo e muito turbulento, estou através de um amor assim, ó:

"Eu procuro um amor que ainda não encontrei
Diferente de todos que amei
Nos seus olhos quero descobrir uma razão para viver
E as feridas dessa vida eu quero esquecer
Pode ser que eu a encontre numa fila de cinema,
Numa esquina
Ou numa mesa de bar.

Procuro um amor que seja bom pra mim
Vou procurar, eu vou até o fim
E eu vou tratá-lo bem
Pra que ele não tenha medo
Quando começar a conhecer os meus segredos

Eu procuro um amor, uma razão para viver
E as feridas dessa vida eu quero esquecer
Pode ser que eu gagueje sem saber o que falar
Mas eu disfarço e não saio sem ele de lá

Procuro um amor que seja bom pra mim
Vou procurar eu vou até o fim
E eu vou trata-la bem
Pra que ele não tenha medo
Quando começar a conhecer os meus segredos

Procuro um amor
Que seja bom pra mim
Vou procurar, eu vou até o fim.

Eu procuro um amor
Que seja bom pra mim
Vou procurar, eu vou até o fim."

Ju, será que existe isso???
hehehhe...
Abraços!!!

Kalye Duranki disse...

adooooro posts coloridos *_*